NOVO HAMBURGO

19°C

Publicidade

Sindicato da mordaça prepara mais um golpe para envergonhar jornalistas

Assembleia Legislativa receberá evento para se solidarizar com presidente que tentou censurar repórter de TV

13 de Maio, 2018 às 21:47

Quando recebi o link de notícia enviado por um colega jornalista, os sentimentos se confundiram. Inicialmente, não acreditei. Depois, deu vontade de chorar. Em seguida, comecei a rir sozinho. Mas, no final, o sentimento que prevaleceu foi o de VERGONHA.


O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Rio Grande do Sul, que tem um presidente que tentou censurar, colocar a mordaça e impedir o trabalho de um colega – relembro o recente episódio aqui: https://www.youtube.com/watch?v=CvGhDwy4B14 –, e que deveria lutar de forma imparcial pela atuação de centenas de trabalhadores da comunicação, prepara mais um capítulo bizarro e capaz de envergonhar quem busca fazer um Jornalismo sério.


No dia 21 de maio, às 14 horas, aproveitando as dependências da Assembleia Legislativa, o Comitê Gaúcho do Fórum Nacional pela Democratização da Comunicação (FNDC) realizará o Ato em Defesa da Democracia e da Liberdade de Expressão – Solidariedade ao Sindicato dos Jornalistas do RS.


O texto divulgando esse encontro é surreal: “O objetivo é defender a democracia e a liberdade de expressão, denunciar o papel da mídia no golpe de 2016 e prestar solidariedade ao Sindicato dos Jornalistas, cujo presidente Milton Simas Júnior foi vítima de ataques descabidos nos veículos do monopólio de comunicação no Estado e nas redes sociais.”


Adivinhem quem está junto nessa bizarrice? A CUT, é claro. Que não está defendendo o trabalhador que foi intimidado pelo presidente! Vejam bem, um repórter – trabalhador – foi intimidado, tentaram colocar a mordaça, mas a CUT vai proteger o chefão do sindicato. É surreal!


Publicidade


Aliás, a mensagem da CUT é pra chorar – mas a sugestão é dar gargalhadas: “A CUT-RS não compactua com essa mídia golpista, está junto com o presidente do Sindicato na luta pela liberdade de Lula e pelo resgate da democracia, e apoia a democratização da mídia por uma comunicação com ética, pluralidade, respeito e diversidade de opiniões”. Ética? Respeito? Diversidade de opiniões? Tudo que não ocorreu quando o militante-presidente-parcial Milton Simas tentou impedir o trabalho de um colega.


O link chamando para o evento é esse: https://www.jornalistas-rs.org.br/detalhes-noticia...


VERGONHA! VERGONHA! VERGONHA!


OBSERVAÇÃO: Fui sindicalizado no começo da carreira. Logo cedo, percebi a contaminação política. Deixei o sindicato. Segui atuando em outras entidades mais sérias, menos hipócritas. Em duas ou três vezes na minha carreira, pedi posicionamento do sindicato. Houve retorno – formal, protocolar –, e agradeci pelo retorno. Mas ficou nisso: distante, frio, sem qualquer centímetro a mais de atenção.


A luta pela valorização do meu diploma de jornalista segue – mas longe dessa gente sem vergonha na cara. Esse sindicato golpista e da mordaça não me representa!

Autor

Martin Behrend

Saiba mais

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS