NOVO HAMBURGO

14°C

Publicidade

Comércio irregular de ambulantes preocupa lojistas do município de Sapiranga

Região central da cidade teve crescimento do número de vendedores ambulantes

03 de Maio, 2018 às 08:44

Relato de diversos associados da CDL informam sobre a existência de inúmeros ambulantes instalados na cidade. Marcelo Matusiak/Divulgação

A Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Sapiranga ingressou com pedido de intensificação da fiscalização para combater o comércio irregular nas ruas da cidade. O objetivo é cobrar rigor no controle de produtos vendidos irregularmente em espaços públicos e que prejudica o comércio legalmente estabelecido.


Em um documento oficial entregue pela entidade, foi feito o relato de que diversos associados da CDL formalizaram reclamações informando sobre a existência de inúmeros ambulantes instalados na cidade e que se encontram vendendo seus produtos em Sapiranga, especialmente no Centro da cidade sem que tenham qualquer tipo de alvará de autorização expedido pela Prefeitura de Sapiranga para exercer a atividade mercantil.


O fato traz concorrência desleal prejudicando um dos setores que mais emprega e gera renda na cidade. "Não se pode aceitar que o comércio local, que contribui com o desenvolvimento da cidade, contratando mão de obra e pagando os seus impostos perante o fisco, seja ao Estado, Município e União, venha a ser prejudicado pelos ambulantes, sem qualquer registro ou autorização da Prefeitura Municipal de Sapiranga para vender seus produtos", afirmou a presidente da CDL Sapiranga, Clarice Strassburger.


Publicidade


A Prefeitura de Sapiranga comprometeu-se a analisar o assunto e estudar medidas para combater o problema.


Marcelo Matusiak/Assessoria de Imprensa CDL Sapiranga

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS