NOVO HAMBURGO

19°C

Publicidade

Suplente de vereador tenta se promover e mostrar serviço, mas acaba desmascarado

Rafael Lucas anuncia resolução de problema que já estava agendado há duas semanas pela Prefeitura

30 de Abril, 2018 às 10:10

Publicação de Rafael Lucas no Facebook e o desmentido nos comentários. Reprodução Facebook

Hoje completa uma semana do acidente de trânsito envolvendo o presidente da Câmara de Vereadores de Novo Hamburgo, Felipe Kuhn Braun (PDT). Por centímetros, ele não morreu. O parlamentar segue sua recuperação no Hospital Municipal de Novo Hamburgo.


Enquanto Felipe luta para sobreviver, tem gente se aproveitando politicamente para se promover. Aliás, colega de partido.


Com a ausência de Braun, foi chamado o primeiro suplente do partido para ocupar sua vaga no Legislativo: Rafael Lucas, filho do ex-vereador Antonio Lucas. Só que essa chegada do suplente está cercada de episódios desagradáveis e turbulentos. Já teve até registro de Boletim de Ocorrência por parte de Rafael Lucas, a partir de uma publicação no Facebook de que teria festejado, ainda no dia do acidente, a sua convocação para o lugar de Felipe Kuhn Braun. Lucas repudia e nega qualquer comemoração.


Outros episódios de bastidores na Câmara também estão sendo apurados, todos envolvendo um suposto aproveitamento do primeiro suplente desta vaga criada a partir do acidente do presidente da Câmara. Uma postagem de Rafael Lucas no seu Facebook atesta o comportamento do suplente:


“Gostaria de agradecer a Secretaria de Obras por atender uma das reivindicações que fiz na tribuna durante a sessão desta quarta-feira, 25 de abril, onde solicitei operação tapa-buracos para diversos pontos dos bairros São José e Vila Diehl. #SuaConfiançaMinhaMotivação


Só que essa manifestação acabou sendo desmascarada por um integrante do governo Fátima Daudt (PSDB), Jair Machado, que atua como Coordenador de Políticas Públicas de Juventude – deixamos a grafia original da publicação de Machado:


“Isse serviço aí já estava programado à mais de duas semanas p a zona norte, parabéns à administração, prefeita Fátima Daudt fazendo um serviço de qualidade!”


Publicidade


Alguém do PDT, se é que o partido tem comando ou está preocupado com a imagem da sigla, precisa encostar em Rafael Lucas e explicar que não é hora de se promover politicamente. A sensação é de estar torcendo pela demora na recuperação de Felipe, pois assim poderá aparecer mais. É isso que se espera de uma jovem liderança?


Rafa Lucas foi o 10º vereador mais votado em 2016. Fez 2.596 votos. Só que pela questão matemática das legendas e coligações, ficou como primeiro suplente do PDT – Vilmar Heming fez 3.482 votos e Felipe Kuhn Braun, 2.653. Ele tem legitimidade para assumir como primeiro suplente, mas para que esse tom, ainda mais com um colega tentando sobreviver?


Nunca é demais relembrar: em agosto do ano passado, Antônio Lucas foi destituído da presidência do PDT em Novo Hamburgo após um lamentável episódio de agressões envolvendo também seu filho. O Portal Martin Behrend registrou: “UFC no PDT: tumulto e agressões envolvem ex-prefeito, dois vereadores e suplente de vereador”. A matéria está no link http://www.martinbehrend.com.br/noticias/noticia/i...


Também é oportuno recordar que Antônio Lucas e Rafael Lucas já se envolveram em episódios de agressão com o hoje vereador Gabriel Chassot (Rede), que foi assessor de Lucas por mais de dez anos. Numa matéria do Portal Martin Behrend, Chassot disse que “Tenho medo de ser assassinado” – está no link http://www.martinbehrend.com.br/noticias/noticia/i...


Rafael Lucas quer seguir carreira política. É do seu direito e da sua vontade. Aliás, fez votação para ser vereador. Agora, seria importante receber alguns conselhos importantes, pois a herança política deixada por seu pai nos bairros onde milita – Kephas, Vila Diehl e São José – não é das melhores.


Essa região da cidade registra vários casos de violência, invasão de terras, ruas com problemas, falta de infraestrutura nas escolas, entre outras questões problemáticas. Se o trabalho de Antônio Lucas pelos bairros for a referência de Rafael Lucas, os moradores dessas localidades podem se preparar para mais anos de angústia. Lembrando: Antonio Lucas encerrou seu mandato estando inelegível por condenação na Justiça.

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS