NOVO HAMBURGO

19°C

Publicidade

Série D do Brasileiro: Novo Hamburgo vacila e perde em casa para o Tubarão

Equipe hamburguense volta a campo no próximo domingo, diante do Cianorte, no Paraná

29 de Abril, 2018 às 19:12

Tubarão apresentou forte marcação e trouxe dificuldades ao anilado. Adilson Germann/JEA Comunicação

A torcida do Novo Hamburgo atendeu ao chamado da diretoria e marcou presença no Estádio do Vale – cerca de 1.500 torcedores. A expectativa era conferir a primeira vitória do Noia na Série D do Campeonato Brasileiro. Contudo, o domingo (29) terminou com gosto amargo para a torcida anilada.


Os comandados do técnico Paulo Henrique Marques perderam para a equipe do Tubarão (SC) por 1 a 0. Embora a maior parte do segundo tempo tenha sido de domínio anilado, faltou tranquilidade e pontaria para os jogadores anilados.


No outro jogo da rodada do grupo A16, Cianorte (PR) e Ferroviária (SP) ficaram no 0 a 0. O Tubarão disparou na liderança do grupo, com seis pontos em dois jogos. Confira abaixo a tabela de classificação após duas rodadas. Lembrando: avançam à segunda fase os primeiros colocados de cada grupo (total de 17) mais os 15 melhores segundos colocados, num total de 32 clubes.


O próximo compromisso anilado pela Série D do Campeonato Brasileiro será contra o Cianorte (PR), no dia 6 (domingo), às 16 horas, no Estádio Albino Turbay, em jogo válido pela terceira rodada da competição nacional. Já o Tubarão vai receber a Ferroviária em Santa Catarina.


Publicidade


O único gol da partida foi marcado aos 10 minutos do segundo temp. Após mais uma jogada pelo lado esquerdo ofensivo, os catarinenses abriram o placar. Jean foi ao fundo e cruzou, o atacante Fio fechou no segundo poste e testou tirando do raio de ação do arqueiro anilado. 1 a 0 para o Tubarão, placar final.


Uma das melhores chances do Noia veio já nos acréscimos. Zotti, que entrou na etapa final, colocou boa bola na grande área, e o zagueiro Léo Dagostini subiu mais que toda a zaga adversária e cabeceou bonito, firme, mas com muito reflexo – num milagre – Junior Belliato garantiu os três pontos para a equipe de Santa Catarina.


ESCALAÇÕES:
Novo Hamburgo :
Carlão; Maicon, Léo Dagostini, Ricardo Thalheimer e Márcio Goiano; Rudiero , Fidélis (Zotti), Preto (c), Juninho (Conrado) e Branquinho (Henrique) ; João Paulo. Técnico Paulo Henrique Marques.

Tubarão : Junior Belliato; Oliveira (Grafite), Jailton (c), Petterson e Jean; Daniel Pereira, Parrudo (Vinicius Baiano), Guilherme Amorim e Branquinho; Fio e Laércio (Magno Alves) . Treinador: Waguinho Dias.


TABELA DE CLASSIFICAÇÃO – APÓS DUAS RODADAS

Tubarão – 6 pontos

Ferroviária – 2 pontos

Novo Hamburgo e Cianorte – 1 ponto

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS