NOVO HAMBURGO

25°C

Publicidade

Já tem dinheiro na conta para começar recuperação do Ginásio da Fenac

Serão mais de R$ 700 mil para revitalizar um símbolo do esporte em Novo Hamburgo

27 de Março, 2018 às 08:57

Precisão é que no começo do segundo semestre deste ano obras estejam concluídas.

Está cada vez mais perto o início da recuperação do Ginásio Alberto Mosmann – o popular Ginásio da Fenac, no bairro Ideal. A obra terá um investimento de R$ 700.929,67. Desse recurso, R$ 243.750,00 tem origem emenda destinada pelo deputado federal João Derly (Rede). Já a contrapartida do município será de R$ 457.179,67.


A boa notícia: 50% do valor da emenda – R$ 121.875,00 – já foi depositado pelo governo federal, através do Ministério do Esporte na conta da Prefeitura. O próximo passo é a licitação, que deverá ser lançada nesta quinta-feira – 29 de abril.


Este investimento tem uma particularidade. Quando um deputado federal repassa emenda, o município precisa dar uma contrapartida de 10%. No caso, a contrapartida mínima da Prefeitura deveria ser de R$ 25 mil. Contudo, o Poder Executivo decidiu investir forte e a contrapartida será de R$ 457.179,67. “É preciso reconhecer que o município está azendo um investimento considerável na obra. Está de parabéns”, elogia Gustavo Finck, assessor do deputado João Derly. O projeto original de revitalização é do governo do ex-prefeito Luis Lauermann (PT).


Segundo o titular da Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (Smel), Jorginho Schmidt, a ideia neste momento é atender as principais demandas para abrir o ginásio para a comunidade o que vai permitir a liberação do PPCI parcial, e depois buscar mais recursos para terminar as obras necessárias. Como o ginásio foi maltratado pelas gestões anteriores, não há verba disponível para reforma total – o descaso custa muito caro. O ginásio completará 46 anos de história no próximo 5 de abril.


Publicidade


Com os recursos aplicados, será possível abrigar escolinhas, treinamentos e atividades escolares. Centenas de hamburguenses poderão ter contato com o esporte num ambiente seguro, saudável e com qualidade. Com isso, a comunidade de Novo Hamburgo voltará a ter um dos seus mais valiosos equipamentos esportivos. Já para abrigar competições profissionais será precisa esperar a segunda fase de recuperação.


Caso a parte burocrática transcorra sem sobressaltos, é possível projetar que até agosto deste ano o Ginásio da Fenac esteja em condições de ser entregue com as obras concluídas e receber atividades com liberação do Corpo de Bombeiros.


HISTÓRIA DO GINÁSIO DA FENAC


O ginásio leva o nome de Alberto Mosmann, que foi um industrial, esportista e político do município. A inauguração ocorreu em 5 de abril de 1972, na gestão do ex-prefeito Alceu Mosmann. Naquele mesmo ano, a seleção brasileira de futebol tricampeã do mundo esteve prestigiando a estrutura. O espaço também serviu para sede dos Jirgs e dezenas de competições esportivas ao longo de 45 anos de história.


Em fatos recentes, o ginásio recebeu emenda da então deputada federal Manuela DÁvila - hoje ela é deputada estadual -, no valor de R$ 250 mil para recuperação da cobertura, mas a execução da obra foi envolvida numa grande novela de atrasos e troca de empresas, que representou atrasos e prejuízos, com a chuva invadindo diversos ambientes. Outro episódio lamentável envolveu os Jogos Mostratec de 2015, quando o local que recebia dezenas de estudantes foi interditado pelo Corpo de Bombeiros por falta de segurança

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS