NOVO HAMBURGO

25°C

Publicidade

Novo Hamburgo receberá primeira pista de Pump Track com acessibilidade no RS

Investimento será realizado a partir de emenda parlamentar do deputado federal João Derly (Rede)

14 de Março, 2018 às 17:00

Pista de Pump Track, como a da imagem, será instalada no bairro Ouro Branco. Divulgação

Novo Hamburgo receberá a primeira pista de Pump Track com acessibilidade no Rio Grande do Sul. O investimento será realizado a partir de emenda parlamentar do deputado federal João Derly (Rede). O valor destinado é de R$ 250 mil. A pista será construída em praça no bairro Ouro Branco, próxima à Escola Estadual Frederica Schutz Pacheco – área fica no quarteirão formado pelas ruas Formosa, Paquetá, Adolgo Jaeger e Lourenço da Veiga.


Representando o deputado federal João Derly, o assessor do parlamentar Gustavo Funck foi ao gabinete do secretário municipal de Obras, Faisal Karam (PSDB), para fazer a entrega da emenda parlamentar. “A demanda foi atendida através da participação efetiva dos hamburguenses no aplicativo Tu Decide, dispositivo implementado pelo deputado federal para conhecer e atender as principais demandas de investimento dos municípios gaúchos”, explica Finck.


Segundo ele, a partir da mobilização dos hamburguenses Vitor Plentz e Cris Pereira, houve grande votação no aplicativo e, dessa forma, o investimento foi contemplado. “Em primeiro lugar ficaram recursos para a Oncologia. Em seguida, veio a pista”, detalha Finck, destacando que todo cidadão está apto a votar e defender suas prioridades.


A pista poliesportiva de Pump Track com acessibilidade receberá praticantes de diversas modalidades de ciclismo, skate e patins/roller. Será um espaço para treinos e lazer, sem caráter competitivo. “Além disso, tem a questão da acessibilidade. Cadeirantes poderão se exercitar ou usufruir do espaço”, salienta o assessor parlamentar. Será a primeira com esse perfil no Estado.


Além da pista o local receberá inúmeras melhorias como pista de caminhada, nova arborização, áreas de convivência e iluminação de led. Em 2016, o Portal Martin Behrend divulgou que a praça poderia receber um cachorródromo, mas este projeto ainda não foi viabilizado. “A praça é grande. A pista ficará num canto. Ficará muito espaço livre ainda e o cachorródromo pode ser viabilizado sem problemas”, destaca.


Publicidade


A pista terá 2 mil metros quadrados de área construída, e serão aproveitados os aclives e declives naturais da praça. Além disso, as árvores já plantadas deverão ser integradas ao circuito.


Gustavo Finck explica que a emenda proposta por João Derly será cadastrada no governo federal. Com isso, terá início a tramitação para liberar o recurso. Ele detalha que o projeto será viabilizado pela Prefeitura como contrapartida ao recurso liberado pela União. “Desta forma, o recurso poderá ser aplicado na íntegra, R$ 250 mil, neste investimento e melhorias na praça”, frisa.


Finck aproveitou a oportunidade para lamentar a falta de interesse do governo Fátima Daudt (PSDB) em se aproximar de João Derly. “O deputado já trouxe vários recursos, mas a iniciativa parte da nossa equipe. Não conseguimos ter um diálogo mais construtivo com a prefeita e também alguns secretários”, lamenta o assessor parlamentar. “Está faltando mais iniciativa da atual administração. Somos parceiros, mas precisa maior aproximação”, finaliza.

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS