NOVO HAMBURGO

25°C

Publicidade

Sétimo do mundo, colombiano compara Campeonato Internacional Juvenil de Tênis de Porto Alegre a Roland Garros

Disputas serão realizadas nas quadras da Associação Leopoldina Juvenil e Sogipa, na capital gaúcha

25 de Fevereiro, 2018 às 19:32

Tenista Nicolas Mejía desembarcou neste sábado em Porto Alegre. Miriam Jeske/Heusi Action

Os grandes nomes começaram a chegar neste sábado e o principal favorito do masculino já fez seu primeiro treino para a 35ª edição do Campeonato Internacional Juvenil de Tênis de Porto Alegre, também conhecida como Copa Gerdau - Itaú, que tem o apoio da Lei de Incentivo ao Esporte – Ministério do Esporte – Governo Federal do Brasil. O colombiano Nicolas Mejía, sétimo do mundo, bateu bola nas quadras da Associação Leopoldina Juvenil. Ele destacou a importância do evento e minimizou o favoritismo.


Mejía, campeão em Assunção, no Paraguai, deu um salto e vive sua melhor posição no ranking. "Tive uma boa semana em Paraguai, em Criciúma (SC) as condições eram bem diferentes, estava difícil não me senti muito bem para jogar, já passou e agora estou concentrado para ter uma boa semana em Porto Alegre", disse o tenista nascido em Bogotá que deixou de lado a pressão por liderar a chave: "O ranking é algo a mais, não creio que diga muita coisa, o nível dos juvenis é muito alto e posso jogar e perder contra qualquer um, me sinto muito contente de ser parte desse seleto grupo de jogadores".


Esta será a segunda participação de Mejía na chave mundial do Campeonato Internacional Juvenil de Tênis de Porto Alegre. Em 2017 ele perdeu na segunda rodada e tendo rodado os principais torneios do mundo afirma categoricamente que o evento gaúcho é comparado com a meca do tênis mundial no saibro, Roland Garros: "Joguei um ano, não fui bem, mas muito contente voltar aqui. O torneio é incrível, as quadras são das melhores que já joguei, parece muito com as de Roland Garros, o torneio é incrível, a atenção. Sempre me encantou jogar no Brasil e o Campeonato Internacional Juvenil é um evento de muito prestígio e pra mim é uma honra jogar aqui. Obviamente Grand Slams são Grand Slams, mas comparando esse é um dos melhores do mundo junto com os Majors e também México e Itália".


Publicidade


Nicolas é treinado pela irmã Gabriela e por seu cunhado e vive nos Estados Unidos há cinco anos e está há dois na academia IMG, em Bradenton, na Flórida, usando a estrutura da maior academia do mundo comandada por Nick Bolletieri que formou Maria Sharapova e Andre Agassi. O tenista de 18 anos tem olho para a carreira profissional. Após a gira na América do Sul disputará torneios futures e challengers nos EUA e no México.


RECORDE DE INSCRITOS


A 35ª edição do Campeonato Internacional Juvenil de Tênis de Porto Alegre, também conhecida como Copa Gerdau - Itaú, tem o recorde de 59 países inscritos e conta com a participação de quatro jogadores do top 10 mundial, três no masculino e uma no feminino.


O torneio tem a presença de jogadores da África do Sul, Alemanha, Argélia, Argentina, Austrália, Bélgica, Bielorússia, Bulgária, Brasil, Canadá, Cazaquistão, Chile, China, Colômbia, Coreia do Sul, Croácia, Dinamarca, Equador, Egito, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estados Unidos, Estônia, França, Geórgia, Grã-Bretanha, Grécia, Guatemala, Indonésia, Índia, Irlanda, Israel, Itália, Holanda, Hungria, Japão, Letônia, Malásia, México, Nova Zelândia, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, Rep. Dominicana, Rep. Tcheca, Romênia, Rússia, Sérvia, Suécia, Suíça, Tailândia, Turcomenistão, Turquia, Tunísia, Ucrânia, Uruguai, Venezuela.


O clube Sogipa é sede das categorias 16 e 14 anos onde os jogos valem para o ranking da Confederação Sul-Americana de Tênis e também da categoria 12 anos com pontuação para o ranking da Confederação Brasileira de Tênis. Ainda há categorias do Tennis Kids até 8 anos.


São cerca de mil atletas na disputa de todas as categorias do evento. A entrada é gratuita nos dois clubes da disputa.

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS