NOVO HAMBURGO

30°C

Publicidade

Prefeitura vai apurar caso de injúria racial envolvendo motorista de ônibus

Motorista negro afirma ter sido chamado de “macaco” após ter sido cortado por coletivo

09 de Fevereiro, 2018 às 15:22

Caso ocorreu na avenida Pedro Adams Filho quase na esquina com rua 3 de Outubro. Google Maps

No final da tarde de quarta-feira (7), um motorista hamburguense trafegava pelo bairro Pátria Nova juntamente com sua esposa e filha. Ele negro; a esposa, branca; o filho, mulato. Repentinamente, o veículo da família foi fechado por um ônibus da Viação Futura. O motorista conseguiu frear bruscamente seu veículo de passeio, evitando a colisão – na avenida Pedro Adams Filho quase esquina com a rua 3 de Outubro.

Refeito do susto da freada, o motorista foi comentar através da janela do seu veículo para o condutor do ônibus ter mais cuidado no trânsito, já que ele estava com uma criança pequena no carro. Foi quando o motorista do coletivo disparou: “Vai macaco”.

Ao ouvir a palavra “macaco”, o casal quase não acreditou. Enquanto o ônibus entrava numa garagem para estacionar, o motorista do veículo de passeio estacionou e anotou hora da ocorrência e prefixo do ônibus. O caso se enquadra como injúria racial. Por temor de represálias e para preservar a família, o motorista agredido pediu para ter seu nome preservado, embora pretenda levar o caso adiante.

Em razão dessa situação, a reportagem do Portal Martin Behrend entrou em contato com a Prefeitura para esclarecer quais procedimentos são adotados nestes casos. Foram enviados os seguintes esclarecimentos:


Publicidade

Qual o procedimento da Prefeitura?

A Diretoria após contato com a empresa de ônibus, informou o fato ocorrido e solicitou a identificação do motorista. Nesta sexta-feira, 09, de posse do registro de ocorrência policial oficializaremos o caso para a empresa de ônibus.

Este motorista pode ser afastado ou punido?

A Diretoria irá analisar o fato junto ao jurídico da Prefeitura, podendo haver a solicitação junto a empresa para a retirada deste motorista da linha, sendo afastado para atividades internas.

É feita uma apuração dos fatos?

Apuraremos os fatos e será concedido a ampla defesa do motorista, dependendo do parecer final, será solicitado a aplicabilidade de pena cabível.

E qual o procedimento para o cidadão hamburguense quando um prestador de serviço público age dessa forma agressiva e preconceituosa,como o cidadão deve registrar queixa?

O cidadão tem o direito à queixa sobre qualquer tipo de ocorrência/agressão, comunicando imediatamente a Diretoria de Transporte, de posse de um boletim de ocorrência, para que esta possa tomar as medidas cabíveis. Contato da Diretoria de Transporte – 3097 9400 ramal 9976


A Prefeitura de Novo Hamburgo em hipótese alguma admite esse procedimento por parte de seus colaboradores, sendo eles servidores diretos ou indiretos, concursados ou não.

VIAÇÃO FUTURA

A reportagem também entrou em contato com a Viação Futura. Segundo o auxiliar administrativo Valdemar Maia, a empresa ainda não foi notificada pela Prefeitura. Maia afirma que o comportamento relatado pelo motorista do veículo de passeio não é usual na empresa e não lembra de casos parecidos. Maia informa que irá buscar mais informações para que a empresa possa colaborar com a apuração dos fatos.

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS