NOVO HAMBURGO

35°C

Publicidade

Novo diretor de Turismo de Novo Hamburgo é aliado do ex-vereador Antonio Lucas e integra Juventude Socialista

Indicado assumiu cargo em dezembro, está cursando Direito e tem salário superior a R$ 7,5 mil

29 de Dezembro, 2017 às 22:26

Eliton Ávila (camiseta Brizola Vive) em visita ao gabinete do ex-vereador Antônio Lucas em 2016. Facebook

O cargo de diretor de Turismo de Novo Hamburgo está desde meados de dezembro nas mãos de um integrante da Juventude Socialista do PDT e aliado do ex-vereador hamburguense Antônio Lucas. Eliton Ávila assumiu o cargo em 14 de dezembro. Ele está subordinado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, que tem como titular Paraskevi Bessa-Rodrigues.


A reportagem do Portal Martin Behrend fez questionamentos à Prefeitura sobre a nomeação da jovem liderança do PDT. Foi enviado o seguinte esclarecimento:


“O cargo de Diretor de Turismo, que já existia e estava vago desde o início da gestão, passou a ser ocupado por Éliton Avila em dezembro. O salário é de R$ 7.571,34 e o valor recebido até então refere-se ao período proporcional. Possui formação em Gestão Pública e está cursando Direito. O objetivo é realizar um diagnóstico da área de turismo do município, que possa embasar a elaboração de projetos em todas as esferas, buscando oportunidades em programas já existentes, além de identificar novos nichos de potencial turístico, tornando a gestão pública mais eficiente e eficaz em suas ações.”


A nomeação de Ávila mostra o quanto a prefeita de Novo Hamburgo, Fátima Daudt (PSDB), está tendo dificuldades para driblar a politicagem no município. A vaga estava em aberto. Agora, o município pagará mais de R$ 80 mil por ano para um diretor sem histórico com o turismo no município. A indicação tem a participação nos bastidores do vereador e futuro secretário da Saúde, Naasom Luciano (PTB), e do ex-vereador Antonio Lucas. Na campanha de 2016, Ávila fez campanha para Rafael Lucas - filho do ex-vereador -, que ficou como suplente pelo PDT na Câmara Municipal.


No começo do seu governo, Fátima eliminou mais de 75 CCs, enxugando a máquina pública. Contudo, com o andar do mandato, precisou fazer concessões e foi empregando indicados por políticos. Conforme analisou o Portal Martin Behrend, sua administração está com dezenas de CCs ligados ou simpatizantes do PT, PDT e até PSOL. É um risco, e essa decisão pode ser boa para o município apenas se o caráter e a qualificação dos CCs falarem mais alto que suas ideologias políticas – a matéria está no link: http://www.martinbehrend.com.br/noticias/noticia/id/3782/titulo/uma-ousada-e-arriscada-relacao-da-prefeita-fatima-daudt-com-ccs-do-seu-governo .


Há algumas semanas, a reportagem do Portal Martin Behrend fez contato com Ávila. Ele estava organizando um evento festivo na sede do PDT. Detalhe: o local não tinha permissão para a tal promoção, que acabou sendo realizada em outro endereço. Ávila respondeu durante a troca de mensagens: “Tenho um imenso respeito pelo seu trabalho.”


Publicidade


A reportagem tentou novamente contato com Ávila para saber sobre seus planos como diretor de Turismo. Pela manhã, o perfil no Facebook estava no ar e foram enviadas questões. Agora à noite, o perfil de Eliton Ávila, ou foi excluído ou ele bloqueou o Portal Martin Behrend. Desta forma, não foi possível um contato com o novo diretor de Turismo. Uma das curiosidades: ele já visitou a Fundação Scheffel, o Monumento ao Imigrante e o Museu Nacional do Calçado, atrações turísticas e históricas do município?


A impressão inicial da indicação de Eliton Ávila é péssima: sobrenomes poderosos na política de Novo Hamburgo – e nem todos com Ficha Limpa – continuam dando parte das cartas no Poder Executivo. Um acadêmico de Direito assumir como diretor de Turismo, num primeiro momento, é politicagem. Talvez, com o tempo e o resultado apresentado, essa impressão seja revisada. Talvez...

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS