NOVO HAMBURGO

29°C

Publicidade

Queremos Brasil e Alemanha nas oitavas do Mundial da Rússia

Sorteio dos grupos da Copa do Mundo realizado em Moscou permite o enfrentamento já na segunda fase

03 de Dezembro, 2017 às 21:13

Tite esteve na Rússia acompanhando sorteio dos grupos da Copa da Rússia. Divulgação

Sem dúvida, os brasileiros jamais esquecerão a traumática derrota das semifinais da Copa do Mundo de 2014 para a seleção da Alemanha pelo incrível placar de 7 x 1. Porém, o resultado inimaginável daquele dolorosa tarde em Minas Gerais foi esquecido após a chegada do gaúcho Tite ao comando da seleção, e a virada no nível de atuação da seleção canarinho com uma campanha invejável nas eliminatórias e amistosos.


A confiança dos brasileiros aumentou de forma significativa e o povo brasileiro, que vive um período de muitas decepções em outras áreas da vida, passou a acreditar novamente na seleção. Qualquer amante do esporte está muito entusiasmado com essa nova era da Seleção Masculina de Futebol, que inclusive permite acreditar, e muito, na sexta conquista de Mundial.



O sorteio realizado em 1º de dezembro, que definiu os oito grupos e todo o caminho para cada uma das seleções em caso de classificações em todas as fases, pode colocar Brasil e Alemanha frente a frente já na segunda fase do Mundial. Caso uma das equipes termine na primeira colocação do grupo e a outra em segundo do seu grupo, este enfrentamento ocorrerá.


E nesse momento, com o nível alto de atuação do Brasil, muito mais que o futebol apresentado em 2014, permite sonhar com esse enfrentamento já nas oitavas-de-final do Mundial. Seria o melhor tira-teima e a chance de revanche contra os europeus. Se não for nas oitavas, esse enfrentamento só poderá ocorrer em uma possível final, talvez bem mais perigoso.


Publicidade


Tite e sua equipe de trabalho já formaram uma base de time mais de uma ano antes do início da Copa, algo muito importante para quem sonha com título. A definição dos 23 convocados só sai em 208, mas o grupo está praticamente fechado e com a qualidade do trabalho do comandante e dos jogadores, garante confiança aos brasileiros e a oportunidade de querer o confronto na segunda fase com a certeza de grande atuação e vitória.


A Copa esta aí e o Brasil é, sim, favorito contra a Alemanha.

Autor

Cássios Diogo Schaab

Saiba mais

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS