NOVO HAMBURGO

29°C

Publicidade

Adote um buraco! Crateras abertas há meses começam a ser transformadas em canteiros de flores

Reportagem do Portal Martin Behrend recebeu registros dos bairros Ideal e Canudos

25 de Novembro, 2017 às 12:26

Registros nas ruas Santa Sofia e Gustavo Leopoldo Feltes. Fotos Divulgação

“Se até o dinossauro Haroldo Jones visita buracos, então, colocar flores é ainda mais simpático.” Foi dessa forma que uma leitora do Portal Martin Behrend entrou em contato para mostrar que uma cratera no bairro Ideal foi transformada em canteiro de flores.


O paisagismo no buraco pode ser conferido na rua Santa Sofia. “Essa situação está há mais de um ano. É um buraco onde carros já caíram dentro. Resolvi fechá-lo com terra e plantei flores. Não sei se fiz o correto, mas cansei de esperar a Prefeitura resolver. Já vieram uma vez e colocaram um cavalete, e ficou até apodrecer. Nada foi feito. Na verdade, eu e minha vizinha resolvemos adotar um buraco”, conta a moradora. O local também recebeu pedras, telhas protetoras e uma plaquinha: “Adote um buraco”.


Essa situação no bairro Ideal tem correspondente no bairro Canudos, perto do Hospital Unimed VS. Na Rua Gustavo Leopoldo Feltes, um buraco que foi aberto no ano passado completou mais de um ano de aniversário. O dinossauro Haroldo Jones esteve visitando a cratera em 2016 e voltou ao local neste ano, conforme pode ser conferido no link: http://www.martinbehrend.com.br/noticias/noticia/i...


Publicidade


Na rua Gustavo Feltes, o buraco fica na esquina com a rua Elis Regina. Uma caprichosa moradora criou uma espécie de rotatória florida no buracão. Com luvas e chapéu, ela montou o jardim e regou para que as flores brotem com vigor. Pedras completam o paisagismo, além da indefectível plaquinha: "Adote um buraco". “Não sei se o que estou fazendo é correto ou está dentro da lei. Agora, o que sei que está errado é pagar IPTU há décadas e não ter ruas com as mínimas condições. Ficar desviando de buracos e panelões o tempo inteiro cansou”, desabafa uma moradora.


É fato que o governo Fátima Daudt (PSDB) herdou muitos problemas, entre eles, milhares de buracos, falta de planejamento para asfaltar ruas e vias com asfalto "vencendo". Só que, ao completar um ano de governo, a comunidade esperava respostas mais ágeis e um programa eficaz capaz de mostrar aos hamburguenses: estamos atentos, sabemos dos problemas, esse é nosso planejamento, essas ruas serão priorizadas, os recursos são esses, vamos tapeando o que for possível e renovando tantas ruas nos próximos quatro anos.


Ninguém imagina que todas ruas serão asfaltadas do dia para a noite. Alguns casos pontuais já foram resolvidos. Mas tem muito a ser feito. O que não dá é para meses ou por mais de um ano buracos ficarem abertos sem solução, trazendo prejuízos e incômodos aos contribuintes.

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS