NOVO HAMBURGO

28°C

Publicidade

Após denúncia, lar de idosos sem autorização para funcionar é fechado no bairro Vila Rosa

Todos os idosos foram encaminhados para uma avaliação médica no Pronto Atendimento do Centro, UPA Canudos e o Hospital Municipal.

02 de Setembro, 2017 às 17:08

Operação ocorreu na manhã deste sábado, na Rua Carlos Gomes. PMNH/Divulgação

Bastou uma denúncia para providências serem adotadas. A Secretaria de Desenvolvimento Social (SDS) de Novo Hamburgo esteve neste sábado acompanhando uma ação judicial de fechamento de um lar de idosos na rua Carlos Gomes, bairro Vila Rosa. No local estavam morando 12 idosos e não estava autorizado para o funcionamento, sendo denunciado anonimamente ao Ministério Público. A desocupação do espaço foi acompanhada também pelo Conselho Municipal de Direito e Cidadania do Idoso (CMDCI). “É um último recurso do que lançamos para o benefício do cuidado adequado com os idosos”, frisou Roberto Arnold, Presidente do CDMCI.


A ação foi acompanhada por um Oficial de Justiça e a Guarda Municipal. Estiveram envolvidos sete funcionários da SDS, duas ambulâncias com uma equipe médica da Fundação de Saúde de Novo Hamburgo (FSNH), Secretaria de Saúde e a Vigilância Sanitária. “A ação foi desenvolvida de maneira extremamente rápida, que incluiu uma agilidade na articulação das secretarias envolvidas, ao lado do CDMCI”, destaca Gabriela Pruch, coordenadora da Casa dos Conselhos Municipais.


Publicidade


Todos os idosos foram encaminhados para uma avaliação médica no Pronto Atendimento do Centro, UPA Canudos e o Hospital Municipal. “O que estamos fazendo é uma ação integral de proteção dos idosos. Não se pode o poder público e a sociedade civil compactuar com qualquer violência contra o idoso. Solicitamos que as pessoas informem a existência de lares de idosos. Estes locais devem possuir identificação visual e externa”, informa Flávia Petry, Secretária de Desenvolvimento Social.


Os proprietários do lar foram encaminhados para a Delegacia de Pronto Atendimento de Novo Hamburgo (DPPA). Denúncias sobre casas de idosos irregulares podem ser realizadas pelo telefone 3527-1887 ou 3527-1888.

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS