NOVO HAMBURGO

13°C

Publicidade

Lançamento do livro A Religião de Jacobina, do professor Martin Dreher

O dia 2 de agosto marca o fim da Batalha dos Mucker, há 143 anos

02 de Agosto, 2017 às 15:37

Nesta quarta-feira, 2 de agosto, às 19 horas, será promovido em Sapiranga o lançamento do livro A Religião de Jacobina, de Martin Dreher. A solenidade ocorrerá no Centro Municipal de Cultura Lucio Fleck com a presença do próprio escritor e teólogo com doutorado em História da Igreja na Alemanha, que vai falar sobre sua obra inédita em um bate-papo no teatro. No saguão do Centro de Cultura, além de sessão de autógrafos e venda do livro, a partir das 18h30, estará exposta a mostra Mucker (promovida pelo Museu Municipal Adolfo Evaldo Lindenmeyer), com banners sobre a história da Batalha dos Mucker, além da apresentação musical que trará o hino religioso alemão tido como o preferido de Jacobina Maurer, intitulado Es Glänzet der Christen Inwendiges Leben (A Vida Interior dos Cristãos Resplandece).


O lançamento do livro e da mostra Mucker terá a participação de representantes de diversos segmentos do Município e entidades religiosas, bem como professores da rede municipal de ensino, equipes diretivas das escolas de Sapiranga e lideranças políticas e autoridades. "É importante que se invista na área cultural, principalmente quando se trata de uma obra que diz respeito diretamente à nossa história," destacou a prefeita Corinha Molling sobre o trabalho.


A mostra Mucker, que estará no saguão do centro de Cultura nesta quarta-feira, voltará a ficar disponível ao público no Museu Municipal a partir da quinta-feira. Dreher deve autografar os livros entre as 18h30 e 19 horas e após a palestra-relato sobre a sua obra no teatro (a duração prevista é de cerca de uma hora e meia).

O LIVRO


A obra busca dar uma visão mais ampla sobre a líder popular Jacobina Maurer, acusada no final do século 19 de liderar uma seita de fanáticos religiosos junto às terras do Morro Ferrabraz. Para dar uma nova visão ao movimento organizado por Jacobina de seus seguidores, Dreher traz, inclusive, dados anteriores à colonização alemã no Brasil, mostrando as raízes de Jacobina na Alemanha e sobre o culto que, apesar de oriundo do luteranismo, pregava ideias diferentes da igreja estabelecida. Ideais diferentes que originaram o confronto entre descendentes de imigrantes alemães conhecido como a Batalha dos Mucker, um dos mais sangrentos e violentos conflitos em terras gaúchas, rendendo filmes e várias obras e discussões sobre o assunto que durante anos teve uma versão considerada oficial e que vem sendo revista nas últimas décadas.


Publicidade


O autor, como ele mesmo afirma no livro, "dá vez e voz aos vencidos!", alusão ao grupo que historicamente ficou conhecido como Mucker no confronto ocorrido há quase um século e meio junto ao Morro Ferrabraz. O conflito girou em torno da líder Jacobina Maurer, que foi alvo de histórias diversas ao longo dos anos. "Quem era Jacobina Mentz Maurer?" Martin Dreher dedicou-se a essa pergunta e que, após muita pesquisa, traz informações que revelam fatos relativos ao conflito estabelecido no Vale do Sinos que vão além do Morro Ferrabraz.


Foram adquiridos pela Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Desporto exemplares do livro para qualificar o acervo da biblioteca pública e das escolas municipais. De acordo com a Secretária de Educação, Cláudia Kichler, “o livro é uma importante fonte de pesquisa para os professores e alunos que desejam conhecer um pouco mais da história do Município”.


A entrega simbólica dos livros ocorreu no final de junho, quando a prefeita Corinha Molling, juntamente com a secretária Cláudia, recebeu em seu gabinete Ângela Gomes, diretora da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Anita Lydia Wingert, representando as EMEFs do Município.

O AUTOR


Martin Dreher, 71 anos, é natural de Montenegro, e graduou-se em Teologia pela Escola Superior de Teologia, São Leopoldo. Tem doutorado em História da Igreja, em Munique, Alemanha, com a tese Igreja e Germanidade. De 1978 a 1994 foi professor de História da Igreja e História do Dogma na atual Faculdades EST e de 1995 a 2011 na Unisinos, em São Leopoldo, RS, nos cursos de graduação e pós-graduação em História. Aposentado desde 2011, é membro de diversas associações científicas e vem se dedicando à produção textual relacionada com História da Igreja e da Imigração e Colonização na América Latina.


Assessoria de Imprensa/Prefeitura de Sapiranga

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS