NOVO HAMBURGO

30°C

Publicidade

Investimento de R$ 1 milhão para eliminar alagamentos no bairro Scharlau

A obra beneficiará as milhares de pessoas da região que utilizam as vias diariamente para se locomover

10 de Maio, 2016 às 14:33

Será aplicado o valor de R$ 1 milhão, com material resistente e encanamentos amplos, para ampliar a vazão das águas para o Arroio Cerquinha. PMSL/Divulgação

Um projeto para as próximas duas décadas. Assim a Prefeitura de São Leopoldo trata a obra de combate aos alagamentos na Vila Glória, bairro Scharlau. Por isso, a administração não mediu esforços nem economizou investimentos. Serão aplicados R$ 1 milhão em uma ação duradoura, com material resistente e encanamentos amplos, para ampliar a vazão das águas para o Arroio Cerquinha. A meta é eliminar os pontos de retenção, uma reivindicação histórica da comunidade local.


A Rua Walter Hennermann foi concluída no trecho entre as ruas Jaime Biz, junto ao arroio, e a Pinto Bandeira. O serviço abrange as ruas Corte Real, Itu, Travessa 1 e as avenidas Presidente Lucena, Parobé (RS-240) e Leopoldo Scherer. A tubulação também foi toda colocada. Resta a ligação das novas bocas de lobo com as redes antigas. Além das 300 famílias que residem no local, a obra beneficiará as milhares de pessoas da região que utilizam as vias diariamente para se locomover. A Secretaria de Obras (Semov) pretende entregar o serviço no prazo de um um mês.


Publicidade


Parceria com o Semae


Com o objetivo de melhorar o serviço oferecido pela Prefeitura, a Semov e o Serviço Municipal de Água e Esgoto (Semae) firmaram em março um Termo de Cooperação que disciplina a execução dos serviços comuns. De acordo com o titular da Semov, Eduardo Techio, o acordo apenas ratificou o que já vinha sendo feito na prática em locais onde há ligações pluviais e cloacais.


A nova dinâmica administrativa possibilitou as obras de drenagem pluvial na Vila Glória. “Estamos priorizando a qualidade. Por isso estipulamos 20 anos à frente. Tomamos uma série de cuidados que vão desde o material utilizado até a questão das raízes das árvores, que interferem na tubulação”, ressaltou.


Assessoria de Imprensa/Prefeitura de São Leopoldo

RECEBA EM PRIMEIRA MÃO

Sem spams comerciais. Apenas informação.

Publicidade
Publicidade

PARCEIROS